Naruto Player RPG | sua experiência no mundo de Naruto
Seja bem vindo ao Naruto Player RPG, se cadastre agora e venha jogar um RPG onde você poderá interpretar seu personagem favorito de Naruto, não perca tempo venha jogar conosco.

Logue-se já!

Esqueci minha senha




Nas ultimas horas...
River
Dom 09 Fev 2020, 13:21
 
Yuu
Dom 19 Jan 2020, 21:37
 
Shion
Seg 21 Out 2019, 19:11
 
River
Qui 10 Jan 2019, 10:52
 
Youko
Sab 29 Dez 2018, 03:02
 
Youko
Sab 29 Dez 2018, 03:00
 
Youko
Sab 29 Dez 2018, 02:59
 
Quem mais postou nessa semana...

Top dos mais ativos do Mês!

Top dos mais Postadores!
River (1238)
Treinos - Muu Vote_lcapTreinos - Muu Voting_barTreinos - Muu Vote_rcap 
Hinara (1230)
Treinos - Muu Vote_lcapTreinos - Muu Voting_barTreinos - Muu Vote_rcap 
Modake (1102)
Treinos - Muu Vote_lcapTreinos - Muu Voting_barTreinos - Muu Vote_rcap 
Youko (1030)
Treinos - Muu Vote_lcapTreinos - Muu Voting_barTreinos - Muu Vote_rcap 
Big Boss (910)
Treinos - Muu Vote_lcapTreinos - Muu Voting_barTreinos - Muu Vote_rcap 
Panic! (808)
Treinos - Muu Vote_lcapTreinos - Muu Voting_barTreinos - Muu Vote_rcap 
Whisper (643)
Treinos - Muu Vote_lcapTreinos - Muu Voting_barTreinos - Muu Vote_rcap 
Yuu (619)
Treinos - Muu Vote_lcapTreinos - Muu Voting_barTreinos - Muu Vote_rcap 
Kazuaki Yuki (615)
Treinos - Muu Vote_lcapTreinos - Muu Voting_barTreinos - Muu Vote_rcap 
Allen Walker (577)
Treinos - Muu Vote_lcapTreinos - Muu Voting_barTreinos - Muu Vote_rcap 


Você não está conectado. Conecte-se ou registre-se

Treinos - Muu

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo  Mensagem [Página 1 de 1]

1Treinos - Muu Empty Treinos - Muu em Qua 23 Set 2015, 21:42

Kingdra

Kingdra

Gennin
Local: Amagakure no Sato

2Treinos - Muu Empty Re: Treinos - Muu em Qua 23 Set 2015, 21:54

Kingdra

Kingdra

Gennin

►Bellatrix e Sua Valsa.◄

Treinamento.
Podia se ouvir o breve som dos dedos do garoto roçando levemente por entre as cordas da harpa, de tempos em tempos podia se identificar uma nota, um ruído talvez, a qualquer coisa parecia sair daquele estranho instrumento, na medida em que o tempo passava seus dedos ficavam mais rápidos, a um ponto que já não eram distinguíveis a certa distância, o garoto tocava com majestosamente, o ar se enchia com o belo coro de sua Harpa, a chuva agora caia rala e pouco podia se ver do horizonte. Um estranho tipo de sinfonia parecia ser reproduzida pelo garoto, em sua mente não estava ali naquele local, abaixo daquela enrugada árvore, estava com sua família, no recital de sua escola, o porquê de tudo aquilo lhe assombrar não parecia ser distinguível, isso somente aumentava mais a sua deficiência mental, o passado passava a voltar de minutos em minutos em sua mente, nunca lhe deixando só com a vida ao seu redor. – Ò Bellatrix, ainda sonho com aquela noite em que me concedeu aquela valsa... Receio que minhas habilidades estejam longe de ser capaz de espalhar a história do nosso amor, deixe-me ter a honra de mostrar-lhe o que venho treinando nesses últimos tempos. -
Os longos cabelos rosados do garoto atirados ao vendo e juntos a chuva pareciam brilhantes e reluzentes, apesar da mesma, fazia sol naquele dia, e a luz que o mesmo emitia vinha de encontro direto para com seus cabelos o que tornou aquilo uma dança intensa de luzes e cores reproduzidas por meio de seu corpo. O seu cabelo parecia crescer na medida em que se concentrava após algumas idas à biblioteca, o garoto fora capaz de descobrir novas habilidades que por sinal seriam bem úteis para o seu próspero ninja, seu cabelo parecia crescer e endurecer, de modo que este agora envolvia totalmente o seu corpo como longos espinhos rosados. - Surpresa?! Não?! Ah meus cabelos? Eles vão retornar ao normal sim, não se preocupe. Há mais algo que consegui nessas idas à biblioteca, quando me formei lembro-me de ter conseguido um desses papeizinhos esquisitos, disseram-me que seria capaz de detectar meu chakra Elemental, porém eu não entendi muito bem o que eles queriam dizer, talvez seja um estilo novo de técnicas que eu não esteja acostumado a ver... Como é você quer ver como funciona?  Ò Bellatrix me emociona ver tamanho afeto por minhas habilidades, sei que estas não são as melhores dentre os enormes muros que abrangem infinito mundo que tem por afora, porém é o que eu tenho a mostrar agora. – O garoto agora retirava um estranho papel de seu bolso, inofensivo, a chuva agora não caia mais naquele local, tudo parecia limpo.
O garoto concentrou-se assim como lhe fora requisitado, passando todo o seu chakra para um so ponto para que este pudesse se inibir através do papel, não imaginou o que aquilo iria causar, porém manteve-se bastante atendo a tudo, a princípio nada aconteceu, porém o papel passou a molhar-se instintivamente, como uma ilusão o mesmo pareceu cair nos dedos do garoto sem deixar nenhum rastro de que um dia já fora ereto e seco. - O ninja me disse que caso isso acontecesse meu chakra Elemental seria suiton... não sei bem o que ele quis dizer com isso, buscarei saber mais sobre isso uma outra hora, vamos Bellatrix, é hora de tomarmos nosso banho de pétalas. –
569 - Palavras.
Treino de Jutsu e Liberação de Elemento.

 
Treinos - Muu Crini%C3%A8re_hirsute_du_lion
Ninpou - Hari Jizou:
(Arte Ninja - Agulhas Guardiãs)
Quem Usa:  Jiraiya
Rank: C
Primeira Aparição:  Episódio 93 Naruto Clássico
Descrição:  Sem a utilização de selos, o cabelo do Jiraya cresce, virando espetos, que o protege de ataques e perfura o que tocar.

3Treinos - Muu Empty Re: Treinos - Muu em Qua 23 Set 2015, 23:04

Whisper

Whisper

Estudante
Aprovado, que treino loco tio '-'

4Treinos - Muu Empty Re: Treinos - Muu em Qui 24 Set 2015, 21:34

Kingdra

Kingdra

Gennin

►Descobrindo as Águas do Amanhã.◄

Treinamento.
O garoto tocava levemente seus dedos na Harpa, estava com  seus pés à beira de um pequeno lago, seus olhos se fixavam no mesmo, estava observando os pequenos peixes que passavam por ali colocando suas pequenas cabeças para fora do lago enquanto buscavam por ar e depois afundavam em meio a toda aquela coloração esverdeada, se perdendo entre o cardume que lá estava de passagem, o garoto levantou-se erguendo um pequeno grupo de pergaminhos, dentre os quais se destacavam escrituras de diversas fontes, os selos que prendiam os mesmos eram enrugados, mal chegavam a aparentar que eram capazes de lacrar algo com aptidão.
- Vamos ver o que nos aguarda doce Bellatrix... Fiz tanto para que pudesse obter esse objeto, segundo aqueles estranhos homens que guardam as portas da biblioteca, responderia minhas dúvidas em relação ao que seria poder Elemental...- O garoto concentrou-se  tornando parte de seu chakra maleável por todo seu corpo, podendo sentir as vibrações, estas que seu corpo emitia não somente para fora como para dentro, realizou alguns movimentos, estes capazes de equilibrar seu chakra em relação ao corpo, por um breve momento pode sentir seu corpo tornar-se menos tangível, uma consistência aquosa, para ser mais exato. No momento em que este percebeu tamanha força da técnica, espantou-se, abrindo seus olhos no momento em que sentiu pintos escorrerem por suas costas, não poderia ser o clima influenciando, o dia estava neutro, não fazia clima nenhuma aparente, nada indicava que aquelo não havia acontecido, tudo o que podia explicar aquele fenômeno era “aconteceu”.
- Uau, isso parece bastante perverso, devo explorar mais tais habilidades, não se é todo dia que se encontram tais oportunidades... - Um sorriso malicioso se projetou no rosto do garoto, logo apagado por sua expressão séria, não deveria continuar se distraindo com coisas fúteis, porém, Bellatrix era fútil, “ò meu senhor, perdoe-me minha falta de classe...” pensou o garoto ponto seu braço sobre a testa enquanto se lamentava. O garoto novamente movimentou seu chakra pelo corpo, assim que este o fez assim como da última vez não se deixou distrair-se, ignorou totalmente os calafrios que os pingos lhe causavam ao passar por sua espinha, apenas continuou soltando levas risadas quando estas passavam.
Havia conseguido, partes do seu corpo haviam se tornado totalmente água, em tese este era o objetivo da técnica, então este seria o incrível poder do elemento? Imaginou as suas possibilidades, sua mente tinha tantas ideias que não pode deixar de pensar em umas mais impuras que as outras. A água agora seria sua aliada, um elemento ao seu favor? O que mais poderia desejar neste mundo, outras inúmeras possibilidades afrontavam sua cabeça atacando seus pensamentos em turbilhões de ideias, o garoto antes mesmo de ter dado fim a outra técnica já estava comeando uma nova, esta tornou-se ainda mais fácil a sua compreensão de tudo aquilo, usando seu chakra fora capaz de manipular não somente pequenas mas também grandes quantidades de água, recriando tudo o que desejou, e no fim, recriou o enorme salão de sua casa, o mesmo onde Bellatrix havia falecido. - Bem Vinda de volta querida... - Proferiu à harpa.


522 - Palavras.
Treino de Jutsu.

 
Treinos - Muu Suigetsu+suika
Mizu Kawarimi
(Substituição do Estilo Água)
Quem Usa:  Shizuku
Rank: C
Primeira Aparição:  Naruto o Filme 4: A Morte de Naruto
Descrição:  O ninja transforma seu corpo em água para desviar de ataques e pode ser mover mesmo no estado líquido, de uma maneira similar ao Suika no Jutsu.
 
Treinos - Muu Tumblr_m78be6Sl0k1robctgo1_500
Suiton - Suiten hofutsu
(Estilo Água - Memória Líquida)
Quem Usa: Ruiga
Primeira Aparição: Episódio Filler 187 (Clássico)
Rank: C
Descrição: Esta técnica permite ao usuário controlar a água e umidade em torno de si mesmo muito parecido com Gaara controla a areia. Ele pode ser usado para bloquear ataques mais recebidas, se ligam ou afogar opositores, e moldar a água em vários ataques, permitindo que o utilizador em conjunto com a técnica de Evocação para permitir que a base de água invocações para lutar em áreas que normalmente precisam de água para se mover por qualquer prendendo o alvo na mesma água ou manobrar a água para permitir a convocação para perseguir o alvo. Ele é capaz de extrair e utilizar águas subterrâneas e, como é muito eficaz a maioria das áreas, mas inútil em áreas rochosas.

5Treinos - Muu Empty Re: Treinos - Muu em Qui 24 Set 2015, 22:00

River

River

Gennin
As imagens dos jutsus estão erradas O.o

6Treinos - Muu Empty Re: Treinos - Muu em Qui 24 Set 2015, 22:04

Kingdra

Kingdra

Gennin
Mizu Kawarimi - É a mesma coisa que o suika então a imagem de um pode servir no outro o que muda é quem executa.
Suiton - Suiten hofutsu - Não tem imagem desse jutsu com qualidade boa acima de 150px então essa é bem melhor.

7Treinos - Muu Empty Re: Treinos - Muu em Qui 24 Set 2015, 22:28

River

River

Gennin
Ok, mas tu add na tua ficha

O problema da imagem errada é que, a pessoa olha e imagina uma coisa... diferente.

8Treinos - Muu Empty Re: Treinos - Muu em Sab 03 Out 2015, 15:53

Kingdra

Kingdra

Gennin

►Ladrão◄

Treinamento de Status.
O garoto após um intenso treinamento envolvendo água, cansou-se. Os olhos do mesmo pareciam pesar mais e mais a cada passo que dava em direção ao seu prédio residencial, devido aos frequentes acontecimentos em sua vida, pouco foi o tempo em que tirou para descansar, seu corpo suplicava por mais treinos, porém ao mesmo tempo por uma cama bem macia depois de um longo banho quente, o que escolher? O mais sensato, se retirou do local de treinamento no qual dividia com aquela moça que lhe havia chamado a atenção desde o momento em que se conheceram, havia algo nela, algo de especial que não conseguia distinguir nem ao menos apontar o que a tornava tão atraente. Encontrou seus utensílios atirados pela casa quando chegou, alguém havia passado ali e não gostou da ideia de ter sido roubado, segurando sua harpa o garoto suspirou devido a todo aquele intenso treinamento já não se lembrava de quem era seu jeito havia mudado, sua mentalidade era outra, a falta de descanso era um ponto a se levar em consideração agora nesse delicado momento, seguiu até a porta de seu banheiro onde encontrou tudo o que precisava, após um longo banho se dirigiu para a cama, onde repousou por um dia inteiro.
- Bellatrix desculpe-me por ter me esquecido de você nesses últimos dias, se soubesse o quanto sinto por ter mudado... Ò perdoe-me nobre dama, receio que minha mentalidade irá retornar em breve, deveras, sim, concordo plenamente meu amor, temos de capturar quem invadiu nosso templo amoroso, alguém que viola os bens pessoais dos outros não deve continuar andando por ai, creio que devemos seguir seu rastro agora mesmo, ele poderá estar a metros de distância e se demorarmos, ele irá se distanciar mais... Certo! – O garoto levantou-se de sua cama atirando suas vestimentas para o lado optando por vestir sua armadura de combate, revirou-se para olhar novamente a harpa e dirigiu um breve sorriso para a mesma. – Heh! Desculpe pela falta de delicadeza. – retirou de uma enorme caixa uma armadura revestida de ouro, no qual, segundo seu pai o terceiro de seu nome, seria uma relíquia valiosa familiar passada de geração para geração, somente uma pessoa digna seria capaz de revir seu chakra sobre a mesma e suportar seu peso podendo se mover livremente, as histórias contadas daquela armadura rendiam dias e mais dias, porém apenas o que o garoto teve direito de saber era que no momento em que estivesse ponto para usar, poderia retirar tal relíquia de seu “berço”.

– Se eu acho que estou pronto? Eu estava esperando por isso há tanto tempo. – O mesmo entrou na vestimenta que por uma leve ironia coube perfeitamente em sue corpo, seria este um sinal de que estava pronto? Não achou que fosse ao momento em que esta estava por inteiro em seu corpo sentiu uma enorme pressão sobre o mesmo, a estranha vestimenta pesava muito mais que o normal aguentado por seu corpo, seria uma maneira muito difícil derrotar o ladrão com aquele peso inteiro. – Ugh, como meu senhor pai lutava usando isto aqui? Pesa demais ugh... Ahn? Você quer dizer que é isso do que se trata o uso da armadura? Sim ele me disse isso certo dia... “Controlar a armadura requer o equilíbrio entre o corpo e a energia.” talvez requeira uma mistura de equilíbrio, vamos ver como eu me saio daqui pra frente. – Passou por entre a janela segurando sua harpa mergulhando no solo, segundos após sua queda, no momento em que este tocou o solo uma forte pressão foi feita sobre seu corpo, obrigando-o a debruçar-se sobre este. – Droga! Esqueci que estava com essa armadura... – Obrigou-se a levantar após um breve intervalo de tempo, com dificuldade encaminhou até a área afastada de Ame, seria o local mais apropriado para seu treinamento, o controle de seu chakra precisava ser balanceado, assim, começou desde cedo, emitindo uma forte energia para fora a fim de reprimir a força produzida sobre seu corpo, fazendo isto ainda em movimentação na direção de seu objetivo, não parecia funcionar, os efeitos daquele método sobre sue corpo só o tornava mais cansado.
– Parece que não vai ser tão fácil assim. – Proferiu este quando passava a traçar seu caminho por cima dos edifícios, o peso sobre o corpo dificultava muitas vezes mais os saltos, por breves momentos conseguiu manter uma harmonia entre os movimentos, traçando velocidade e força como se fosse somente um só até que, por mínimo que este fora, um erro em seu trajeto o que resultou na perda de equilíbrio que consequentemente o enviou para cima de um prédio comercial com grande força causando uma destruição parcial no local da queda. – Aarg! – Protestou escarrando uma ligeira quantidade de sangue.
Preferiu prosseguir o resto do caminho à pé, mesmo que por mais demorado e desgastante que fosse, evitaria possíveis acidentes e danos morais à cidade, estava devendo dinheiro dos pergaminhos agora deveria pagar a construção do edifício destruído, realmente não levava uma vida financeira beneficente. Após um tempo pode ver ao longo da trila composta por rochas e pedras menores um enorme arco constituído de árvores, seria ali onde poderia treinar, um pequeno pico era esculpido na paisagem do local o que tornava aquilo mais interessante, a base do seu treinamento seria o equilíbrio, portanto viria a ser útil um desafio deste nível.
– É agora Bellatrix. – Colocou com cuidado a harpa sobre o solo dirigindo-lhe um olhar carinhoso, como se estivesse por cortejar uma bela dama. – Às vezes me lembro desse seu rosto, e me sinto mal por aquele dia... – Muitos mistérios afrontavam a vida do garoto, porém um dos que nunca vai ter conhecimento seria o que levou ele a tomar aquela atitude tão grosseira. “O mal” proferiu uma voz em sua cabeça. Obrigando-o a retornar sua atenção para o seu objetivo, pois nem seus pensamentos estavam lhe abrigando neste momento.
O garoto se dirigiu até o meio da floresta, onde residia ali uma enorme sequoia que mal podia se ver a ponta, seu objetivo? Chegar ao topo antes do anoitecer, o ponto chave do treinamento seria concentrar-se em um ponto onde sobrecarregar todo o peso da armadura para que o impulso feito sobre suas pernas fossem os maiores possíveis. O garoto tentou diversas e mais diversas vezes, chegando sempre um pouco além do que conseguia, não apenas concentrava chakra sobre seus pés mais também sobre seus ombros, apenas sobre uma parte superficial, esta seria capaz de controlar o equilíbrio de peso. Após um longo momento ali este não conseguiu subir por completo, havia muita coisa a se treinar pela frente, porém por hora, já era capaz de mal sentir o peso sobre seus ombros, estava no caminho correto.




1133 - Palavras.



9Treinos - Muu Empty Re: Treinos - Muu em Dom 04 Out 2015, 12:50

River

River

Gennin
260 pontos

10Treinos - Muu Empty Re: Treinos - Muu em Qui 08 Out 2015, 15:24

Kingdra

Kingdra

Gennin

►Ladrão◄

Treinamento de Status.
O garoto estava indo na mesma direção que sua kage, quando este desviou-se por uns breves instantes, sua mente voava longe e não estava com cabeça para aquela missão de graduação, precisava de um tempo para pensar, ou talvez raciocinar se era mesmo aquilo o que precisava, elevando sua mente para além de sua imaginação, lembrou-se de algo que deveria ter feito a muito tempo, antes mesmo de ter comparecido naquela sala, algo que nem todos tinham o direito de fazer, o garoto se desviou de ambas a moças partindo contra uma enorme aglomeração de prédios, partiu sobre os mesmos se dirigindo até  a floreste onde outrora havia depositado seu conhecimento, talvez fosse realmente a melhor forma de aumentar seu poder. Em direção ao local passou a refletir mais sobre sua vida, deveria mesmo depositar todos os seus anos de vida naquele local, viver normalmente como os outros ninjas daquele ambiente? Treinando e aumentando suas habilidades para proteger aos fracos? Não, não podia, não queria, queria ser mais do que isso, as coisas que imaginava iam além do que aquilo, não podia deixar-se prender por apenas algumas obrigações, não desejava nada daquilo, o garoto queria ser solto, queria ser livre como uma borboleta.
Isso foi muito feminista, pensou enquanto reparou novamente no que queria, sua mente estava um turbilhão de ideias todas misturadas e juntas dificultando totalmente sua compreensão, os fatos eram claros, e tudo já estava esclarecido para si mesmo, por mais que adorasse todos naquela serelepe vila, por mais que amasse tudo naquele local não somente as pessoas como sua rica paisagem, não podia permanecer o resto de sua vida preso atrás de “grades” , a liberdade era um fator a ser conquistado e por mais que dura fossem as perdas iria se arriscar, pela sua vida. Mergulhando em meio as folhagens, este aterrissou em meio a tantos arbustos e vegetação que perdeu o senso de direção, ficando unicamente focado no seu real objetivo, seguir em frente, mergulhando em meio a todo aquele verde percebeu de que algo não estava correto naquilo tudo, não parecia ter sido a mesma floresta de antes, uma árvore aqui ou ali poderia lhe enganar porém o enorme arco de entrada nem existia mais, era preenchido por uma imensa grade de madeira, o garoto achou tudo aquilo muito estranho, continuou buscando por respostas, dessa vezes passando por cima do local, de nada serviu, deveria continuar dentro da floresta. Estava prestes a investigar o local porém o peso sobre seus ombros aumentava mais e mais, até um ponto onde a viagem se tornava insuportável devido ao mesmo, tentou ignorar toda aquela pressão posta sobre seu corpo, porém não se tornou possível após um tempo, teve de parar por alguns instantes, estes mais do que planejou, tornando a lembrar de suas recordações mais profundas, estas que tinha nojo quando entravam em sua cabeça, os terrores que havia cometido estavam apagados do mundo, mas não de sua mente, aqueles pesadelos não iriam embora nem após sua morte.
– Vamos Bellatrix, tenho que treinar essa armadura, faz algum tempo que nem me preocupo em resolver a dominação desta coisa, tenho medo de estar obcecado demais nos deveres alheios, como graduar-me, mas acho que isso só seja uma ilusão de minha cabeça. – Levantou-se pondo a mesma novamente sobre seu corpo, deveria treinar, e já não se recobrava com exatidão como havia feito na última vez em que o fizera. – A propósito, recobra-se como deveras treina esta vestimenta? – Aguardou por um momento, até que quando obteve a “resposta” sorriu para a harpa realizando um sinal positivo com sua cabeça, balançando-a para cima e para baixo. Estava ciente do que deveria fazer, após terminar de apertar todos os braceletes, concentrou-se focando toda sua energia ao redor de seu corpo, como da última vez em que fizeram o chakra fluindo sobre seu corpo tornando todo aquele peso antes mal distribuído agora maleável pelo corpo, após breves canalizações por todas as partes do corpo, saltou, visando atingir a altura mais alta que conseguisse, quando o fez, pode ver de perto a enorme sequoia que outrora havia usado como porto de marcação, acreditou que a mesma ainda pudesse ser útil, caminhou até mais próximo desta e continuou com seu treinamento. “O ponto chave do treinamento seria concentrar-se em um ponto onde sobrecarregar todo o peso da armadura para que o impulso feito sobre suas pernas fossem os maiores possíveis.” Recordou-se de seu último treinamento, estas palavras vieram à tona facilitando ainda mais a compreensão e o treinamento, mas questionou-se, seria este o real ponto chave de controlar aquela armadura? Mais alguns saltos foram dados, mais outros e mais outros até que desequilibrou-se enquanto estava bem próximo do topo e, devido ao peso da armadura, caiu no solo de uma forma incondicional, fraturando seu pulso. Aquilo estava indo longe demais, estava se esforçando muito e em breves momento sua mente desviava sua atenção fazendo-o perder equilíbrio, talvez treinar não somente dependia em manter uma relação harmônica entre corpo e energia, mas como também a mente, estava ali, porém sentia sua mente fluir pelos ares, mantendo sua atenção pregada em tudo porém menos no treinamento. – Acho que é o bastante por hora, meus membros doem o bastante para não conseguir me manter em pé, talvez eu esteja me esforçando demais, nunca achei que treinar uma simples armadura fosse tão difícil assim. – Deitou-se sobre o chão do local, fechando levemente seus olhos esquecendo de todos os seus problemas, Hakuna Matata. Mergulhou em um profundo sono, esquecendo totalmente do mundo a fora, pouco a pouco foi perdendo seus sentidos, depois sua sanidade, e após alguns breves intervalos de tempo, esqueceu-se do que era viver.
Acordou com os pingos da chuva tocando-lhe a testa, o dia estava mais escuro, havia dormido por 24 horas seguidas sem não ao menos perceber, deveria estar cansado demais, já que nunca tinha realizado essa proeza antes. – Ai minha cabeça... acho que finalmente compreendi o que devo fazer. – Finalmente, depois de tanto tempo tentando compreender como controlar o peso daquela armadura finalmente soube, as estrelas havia lhe contado, em seus sonhos. Deveria manter o equilíbrio de outra forma, reprimindo seu chakra, envolver aquela armadura só a tornaria mais pesada e difícil de manejar, o controle de chakra pelo corpo era o verdadeiro ponto chave do treinamento, sentou-se sobre o solo e passou a concentrar-se, evidenciando e evitando ao máximo deixar de lado, aquela valiosa informação, passou-se alguns minutos até que se levantou novamente, sentia-se mais leve, agora não se incomodava tanto com a armadura, pelo contrário, agora ela fazia parte de seu corpo.




1107 - Palavras.



11Treinos - Muu Empty Re: Treinos - Muu em Qui 08 Out 2015, 15:50

River

River

Gennin
140 pontos, sr. gennin

12Treinos - Muu Empty Re: Treinos - Muu em Qui 15 Out 2015, 17:50

Kingdra

Kingdra

Gennin

►Segurando a bola.◄

Treinamento.
Depois de tanto tempo naquele imundo local finalmente pode se sentir em casa, mas o porquê de tanto ódio em meio ao seu coração se perguntava várias vezes enquanto encaminhava para sua casa, tocando suavemente sua harpa este ignorou todo o mundo ao seu redor enchendo os ouvindo com aquele belo recital, o mesmo daquele que tocou quando tinha seus 8 anos de idade, Havia acabado de chegar de seu teste ninja, algo que o deixou bastante irritado, suas habilidades eram poucas comparadas com os daquela mulher, ele sabia, havia imaginado isso, porém não se deu ao luxo de imaginar que esta diferença era tão grande assim, o garoto sentou-se sobre seu sofá perto da entrada, estava decidido a treinar mais, somente assim poderia alcançar os poderes daquela mulher, tornando-se capaz de competir com o mundo a fora sem grandes empecilhos, ou ao menos chegar próximo de lhe causar algum dano, coisa que também não obteve êxito com todos aqueles ataques sucessivos que havia feito, mesmo depois de tanto esforço em seus treinamentos anteriores não foi capaz de obter uma técnica que o ajudara a fazer isso, ou havia encontrado, apenas não a usou,  mas também o que esperava? Acertar a mulher com simples armas não seria o bastante, acreditou até que subestimou demais a moça, deveria ter mostrado mais o que tinha, ou até mesmo tudo, pelo fato de aquilo decidir seu futuro ninja, o tal teste chunnin, livrando-se de todos estes pensamentos o garoto levantou-se partindo para fora de sua residência, correu até a biblioteca onde parou para pesquisar algumas técnicas que seriam de grande poder e que tivessem disponibilidade para o garoto e seu estado.
Buscando por longos minutos encontrou algo nas prateleiras que realmente despertou algo em si, um sentimento que sempre sentia quando estava frente a novas oportunidades incríveis, não se sentira assim desde a última vez que treinara, aliás todas as vezes em que treinava sentia aquela mesma coisa, não se diferindo em nada. Olhou par o pergaminho gravando bem as suas palavras, diziam as mesmas que deveria reunir chakra sobre a palma de sua mão, moldando-a na forma de uma esfera de médio porte, ou de tamanho suficiente que pudesse encher sua mão, a técnica parecia promissora, porém rápida e forte, jeito do qual adorava, retirou-se do local se dirigindo por cima dos prédios até o local de seu antigo treinamento, quando chegou ao recinto observou atentamente os arredores, estes ainda estavam rodeados por aquelas estranhas madeiras, e a floresta continuava ainda mais densa do que da última vez, imaginou que se continuasse assim logo aquele local não seria apropriado para treinamento. Mergulhou adentro das folhagens posicionando-se em um local aleatório longe das beiras que dividiam a floresta da cidade, aquilo não parecia ter ocorrido naturalmente, preferiu manter distância, uma energia negativa passava a encher aquele lugar, nunca foi dos mais espirituais porém aquela era uma ocasião totalmente diferente. Ignorando tudo a sua volta o garoto concentrou-se, realizando a técnica em sua mão.



500 - Palavras.
Treino de Jutsu.

 
Treinos - Muu Tumblr_m00i8mJhKw1r61kj0o1_500
Rasengan
(Esfera Espiral)
Quem Usa: Uzumaki Naruto, Jiraiya, Yondaime Hokage, Hatake Kakashi, Sarutobi Konohamaru.
Rank: A
Primeira Aparição: Episódio 86 Naruto Clássico
Nota: Jiraiya e Naruto podem fazer dois Rasengans de uma vez só, um em cada palma.
Descrição: Ninjutsu que requer o total uso de chakra e o seu controle constante. O
Ninja primeiro faz com que o chakra assuma uma forma esférica, depois
faz ele girar, e por último, o ninja corre e atinge o alvo que sai
voando (e girando), quando é atingido. Diferente do chidori, que causa
um grande estrago externo, o rasengan causa um grande estrago interno,
como é mostrado no episódio onde Naruto e Sasuke usam respectivamente o
rasengan e o chidori e quando vão se chocar Kakashi os intecepta, os
jogando em duas caixas d'água, o tanque onde o chidori atinge é
perfurado, enquanto o estrago aparente do rasengan é pequeno, mas quando
sasuke olha a parte traseira do tanque onde o rasengan atingiu ele
percebe um grande buraco causado pelo grande estrago interno do
rasengan.

13Treinos - Muu Empty Re: Treinos - Muu em Qui 15 Out 2015, 17:52

River

River

Gennin
Tá. Add tu na ficha.

14Treinos - Muu Empty Re: Treinos - Muu em Sab 17 Out 2015, 22:04

Kingdra

Kingdra

Gennin

►New Muu.◄

Treinamento.
Sonhos e desejos do garoto passavam por sua cabeça a todo momento, o ar batendo sobre seu rosto, tudo aquilo que planejava conquistar havia acabado, seus sonhos e lutas para um futuro próximo onde poderia ir além do que um dia imaginou ir foram simplesmente destruídos naquele instante enquanto voava, uma ligeira lágrima escorreu por seu rosto, deitou-se sobre o corpo do animal no qual usava para cortar o percurso entre as vilas para sua missão, porém acreditou ainda não estar pronto para enfrentar todos os desafios que o mundo poderia lhe apresentar, ordenando que a criatura pousasse sobre a imensa floresta que se estendia pelo horizonte até acabar em água, o garoto saltou desta assim que pousou, cambaleou um pouco porém ajeitou suas vestimentas e quando acreditou que estava pronto lembrou-se de algo muito importante que havia esquecido, não seria capaz de treinar sem um pergaminho para lhe instruir o que treinar, correto? Saltou novamente sobre a criatura ordenando logo em seguida que fosse até a biblioteca da vila, não era capaz de definir o qual rápido aquela criatura era, porém poderia apenas afirmar que sua velocidade era de se impressionar, em um intervalo de tempo tão pequeno foi capaz de chegar no local que demorava minutos para chegar, em questão de segundos os garoto estava lá, na frente do enorme edifício enquanto a criatura permanecia sobre o teto do mesmo chacoalhando sua cabeça. O garoto adentrou no recinto buscando por algo que atraísse sua atenção, algo que encontrou após longos e entediantes minutos naquela sala, o garoto havia achando uma caixa com pergaminhos que falavam sobre ilusões, poderiam ser úteis, caso houvesse uma que fosse capaz de encobrir sua presença seria melhor ainda, uma vez que não poderia ser visto naquele tempo em que estivesse fora, o garoto buscou pelos pergaminhos e retirou alguns da caixa, colocando-os dentro de suas vestes junto à um mapa das vilas, isto seria útil mais adiante, e partindo para fora do local, ignorando os olhares sarcásticos das pessoas quando lhe dirigiam um bom dia, como se fizessem isso apenas por respeito ou obrigação. Os olhares lhe dava calafrios, as pessoas que residiam naquele local lhe davam nojo, igual a aquelas que se achavam superior por obterem um título de grande importância na vila, as pessoas não tinham noção de como o mundo funcionava, um dia você pode ser a caça, mas no outro o caçador. Saltou sobre as costas da criatura depois de escalar alguns prédios ali envolta, o garoto ordenou que o mesmo tomasse voo enquanto passava a retirar o lacre dos pergaminhos, ainda sobre as costas do animal desenrolou o menor destes, lendo o que este dizia logo em seguida.
Aterrissou à poucos metros da água, uma boa distância para que não pudesse se molhar,  o garoto pousou levemente os pergaminhos à beira do lago, tomando sempre em primeiro lugar o cuidado na hora de tocá-los quaisquer danos morais causados pelo garoto iriam repercutir diretamente em seu bolso, o mesmo já estava furado desde antes de seu nascimento, assim como carregava seu nome, carregava as eternas dívidas que este ia acumulando com o passar dos anos, não faltava muito para um futuro descendente morrer depois de dever dinheiro à uns gangster’s, o garoto sorriu, pela primeira vez depois do ocorrido, não se lembrava mais de quem era depois de tudo o que aconteceu, depois daquela explosão que custara a vida de sua dama Bellatrix, seu coração ainda batia forte quando pensava nela, mordiscou o lábio inferior lembrando-se de seus belos momentos com a saudosa harpa, depois do caso os ocorridos de esquizofrenia tiveram tido uma baixa, tornando-se cada vez mais raros de se acontecer, o seu amor havia acabado, e seus sonhos morreram junto com a dama. Abraçou o dragão que havia lhe trago até aquele local, realizou um breve movimento de mão indicando que tomasse voo, iria chama-lo quando precisasse, queria ficar sozinho naquele momento de descontrole, a fúria tomava conta de seu corpo e já não podia distinguir o que era. Muitos momento se passaram, o jovem diante de uma desolação sentimental, se sentia fraco, não era mais capaz de fingir, todo esse tempo que havia passado desde a morte de sua falecida esposa tem agido de uma maneira alegre, forçando os outros a acreditarem que o que sentia era real, porém não estava enganando nem a si mesmo, o que deveria fazer? Pressionou os palmos contra os olhos, forçando uma dor que não fosse capaz de aguentar, acreditando tudo aquilo ser um sonho, porém não era, quando tirou as mãos dos olhos ainda continuava ali, e sua harpa não estava do seu lado, os olhos cansados de tanto chorar, formava-se uma coloração roxa ao redor dos olhos deste, o garoto se levantou dirigindo-se até onde os pergaminhos estavam, mordeu o dedão batendo o mesmo contra o chão, uma enorme fumaça encobriu o local e do meio desta uma enorme ostra apareceu, revelando o que parecia ser seu novo companheiro em batalhas, porém o garoto não acabou por ai, liberando junto a criatura uma densa quantidade chakra sobre o local, reproduziu uma miragem de ambos, assim como descrevia o pergaminho, a fúria o movia, tornando sua capacidade ainda maior, seu força de vontade quase não cabia em seu peito, o ódio tornando-se cada vez maior, a fúria encadeava seu corpo a uma medida totalmente incontrolável agora, tornando-se cada vez maior e maior, até que o clímax subiu em sua cabeça, liberando de seus punhos uma intensa força, esta capaz de romper o laço que tinha com o medo, depois de tudo o que aconteceu, libertou-se os medos do passado não lhe atormentavam mais, tudo aquilo passando por seus olhos em questão de segundos, tornando-se apenas vagas embraças do que um dia foi sua antiga personalidade, o garoto havia alterado, naquele instante esqueceu-se de tudo o que venerava, sua vida começava ali, a harpa, a família, a música, aos poucos foi se perdendo tudo, não sabia mais quem era, apenas o seu nome continuava em sua cabeça, apenas, e seu único objetivo de vida, viver como se cada dia fosse o seu último.
Uma densa neblina rodeava a floresta, agora produzida pelo garoto que acabava de “renascer”, seus punhos encontraram o último pergaminho, este contendo as informações de um jutsu que rapidamente fora efetuado por Muu, um jutsu tão simples porém de efeitos inimagináveis, com apenas alguns selos, encobriu sua forma física, tornando-se invisível para aqueles que não possuíam habilidades de ver além dos olhos normais.



1071- Palavras.
Treino de Jutsu.

 
Treinos - Muu Tumblr_mia3s1nJih1rkpua6o1_400
Kanji
(Ilusão Demoníaca: Estrutura Fumegante de Vários Andares)
Quem Usa:  Gengetsu Hōzuki, Marisco Gigante
Rank: B
Primeira Aparição:  Mangá Capítulo 552 / Anime Episódio 300 (Shippūden)
Descrição:  Um genjutsu de longo-alcance (広範囲幻術, kōhan'i genjutsu), em que o Gengetsu Hōzuki, em conjunto com a sua invocação, é capaz de manifestar miragens realistas usando a névoa exalada pelo molusco. Como é impossível para observadores distinguir a coisa real, através de métodos normais, esta propriedade faz com que a técnica seja ideal para esconder a localização real de um indivíduo, resultando em confusão entre a oposição como seus ataques são ineficazes e tentam determinar a verdadeira posição do par. No entanto, a fim de manter as ilusões, o molusco deve continuamente exsudar a névoa de seus sifões, durante toda a duração da técnica.

De acordo com o Mizukage, o único método para acabar com a técnica é derrotar o molusco real, mas como a criatura em si permanece camuflada dentro da miragem, esta não é uma tarefa fácil, mesmo se o invocador fornecer conselhos benéficos. Enquanto a técnica está ativa, tanto o Mizukage e o molusco não podem ser detectados através de meios tradicionais, com a exceção dos métodos de tipo de contato (接触タイプ, sesshoku taipu).
 
Treinos - Muu Ohamaguri
Ōhamaguri
( Marisco gigante )
Quem usa: segundo Mizukage
Rank: A
Descrição: Uma criatura de proporções enormes em relação ao tamanho e peso. A criatura é capaz de produzir uma miragem enganosa, que deixa o oponente completamente incapaz de localizar com precisão a posição do Mizukage ou acertar ele, primeiramente abrindo sua concha e exalando um nevoeiro durante a técnica.
 
Treinos - Muu Tumblr_mscjj4oTW41qihjyvo1_500
Kirigakure no Jutsu
(Técnica de Ocultação na Névoa)
Quem Usa: Zabuza Momochi, Hatake Kakashi, Kisame Hoshigaki, Itachi Uchiha e Mei Terumī
Primeira Aparição: Capítulo 12
Nota: Mostrado por Mei Terumi, que pode-se expelido pela boca sem a necessidade de selos manuais
Rank: D
Descrição: Esta técnica de deslocamento é uma especialidade dos ninjas de Kirigakure, onde se cria uma névoa levantando um pouco de água a partir de qualquer fonte existente ou jogando pela boca, eles entram e saem do campo de visão à vontade. A espessura da névoa é controlada pela quantidade de chakra acumulada dentro dela. Ele não pode enganar o Byakugan, mas, devido ao nevoeiro que está sendo criado com o chakra do usuário, qualquer usuário do Sharingan e do Rinnegan verá a cor do chakra do oponente espalhada na névoa, o que possibilita o usuário da técnica se esconder dos usuários de doujutsu.
 
Treinos - Muu W0meeq
Fukashi no Genjutsu
(Técnica Ilusória da Invisibilidade)
Quem Usa: Kakko
Rank: D
Descrição: O usuário pode tornar-se invisível a olho nu, podendo reaparecer na hora em que desejar, sendo perto ou longe de um oponente.



Última edição por Muu em Sab 17 Out 2015, 22:34, editado 1 vez(es)

15Treinos - Muu Empty Re: Treinos - Muu em Sab 17 Out 2015, 22:14

Youko

Youko

Gennin
@Treinamento Aceito!

16Treinos - Muu Empty Re: Treinos - Muu em Seg 19 Out 2015, 18:58

Kingdra

Kingdra

Gennin

►Reunião.◄

Treinamento.
     Navegava sem rumo por entre os diversos imóveis altamente iluminados de sua vila, o local era preenchido de luminosidade, outdoors brilhosos na frente das lojas proporcionando uma maior atenção de quem passasse por ali, sendo diretamente atraído pela luz, Muu ignorou todos os anúncios do local, se dirigindo para o fundo da rua, este levando para um caminho paralelo a outro que terminava em uma subida, o caminho pelo qual optou seguir fora mais esguio, estreito a medida em que avançava mergulhando nas profundezas da cidade, aquele local parecia tão relaxante, livre das agitações do centro, a calmaria reinava sobre o ambiente tornando-o, em alguns momentos, sombrio.  Os cantos foram se tornando mais e mais estreitos até que a rua terminava em um edifício onde somente era composto por uma porta sem ao menos apresentar paredes laterais, a estrutura parecia ter sido feita de forma triangular, crescendo a medida em que avançava adentro do mesmo, Muu direcionou seu punho para de encontro a maçaneta girando brevemente o objeto, entrou no local com muito esforço, talvez aquele edifício fosse propício a estrutura dos corpos das pessoas que residiam ali, devido ao fato de serem dependentes unicamente de comida e água, não podendo usufruir de outras formas de luxo tais quais eram roupas e outros acessórios, tornavam seus corpos extremamente finos, ou de tamanho ideal para entrar ali, o garoto após um longo esforço, conseguiu se arrastar por entre as paredes, até que a pequena entrada deu espaço para um enorme salão, este de um tamanho que era impossível imaginar-se que aquela pequena entrada, daria a um local tão imenso, outro fato que proporcionava aa proteção do local era a estrutura dada por outros edifícios, que cobriam todo os espaço resultante tornando do local apenas visível a pequena porta que havia no fundo da imensa rua do subúrbio, exatos 20 minutos de caminhada.
No meio da sala havia uma enorme távola, um grande número de canecos pendiam acima da mesma preenchidas com uma substância de coloração violeta, vinho, pensou o garoto assim que viu, retirou o enorme manto que encobria seu corpo protegendo-o da chuva e de ser reconhecido andando por ali, carregava em sua cintura uma máscara branca, a forma exótica tornava a mesma ainda mais ameaçadora, gostava daquele artefato apesar de tudo, foi um presente lhe dado pela Kage, ao se graduar após sua longa missão viajando por boa parte do mundo. Assentou-se sobre uma das cadeiras vagas, apenas mais um faltava para preencher o local, sentou-se e passou a aguardar o último membro da reunião, este chegando segundos depois do garoto, estampando um largo sorriso em seu rosto, porém quando este se aproximou mais do grupo, aquele enorme sorriso revelava ser uma máscara, por trás desta uma séria expressão era emitida pelo homem, tornando claro para todos que este desejava acabar logo com tudo aquilo.
– Vamos logo com isso, o que fez você nos reunir aqui? – Perguntou mantendo um tom grava um dos membros no qual tinha como característica uma longa cicatriz em seu lábio superior. – A vinda de todos aqui significa muito para mim, tanto que não consigo descrever em palavras como é reunir todos os membros mais importantes de nossa organização revolucionária, o que temos para hoje, vocês devem estar se perguntando, temos um conjunto de técnicas que será necessária para a batalha final, peguem seus jutsus e se retirem sem deixar rastros, espero que treinem rápido, o tempo está passando e as peças se movendo, logo logo a hora irá chegar. – Disse o homem robusto no canto da sala separado de todos da mesa, revelando o que havia em sua cadeira, um corpo moribundo jorrando sangue de sua garganta. – Peço que tenham mais cuidado ao virem para cá, achei este intruso no sótão, ele ouviu demais desde nossa última reunião, veio para cá para tirar suas próprias conclusões para uma matéria de jornal, pena que suas informações se foram com ele. – Exibiu um largo sorriso destacando-se por seus afiados dentes brancos. Todos se levantaram reverenciando uns aos outros, o primeiro a sair foi um membro mais velho, não pareceu se importar muito com as técnicas, estava com sua cabeça muito longe dali, Muu fora o primeiro que seguiu até a caixa, optando por pegar jutsus que envolviam ilusões, dentre os diversos que já havia treinado, os que mais lhe chamaram a atenção foram estes, conhecidos como genjutsus, pegou cerca de 5 naquele monte, se retirando do local sem proferir mais nenhuma palavra, escondeu os enormes pergaminhos em seu bolso, ninguém poderia vê-lo se retirando dali com eles, abriu a pequena porta após passar pelo estreito corredor novamente, escondendo seu rosto com o enorme manto, executou um simples movimento de mão, desaparecendo do local quase que imediatamente, aparecendo a alguns metros dali, só que agora na parte central da cidade. Meios de se esconder foram seu ponto alvo, o quesito por qual buscou na hora de pegar os pergaminhos, atirou o enorme manto para dentro da janela do edifício, esta que levava ao seu quarto, não precisava mais daquilo, colocou sua máscara sobre o rosto e em largos saltos se dirigiu para o presídio da vila, o local perfeito para treinar técnicas ilusórias, a anos houveram relatos de grandes líderes que se aproveitavam dos presidiários para aprimorar suas habilidades ilusórias, e nesse século não seria diferente do anterior, se dirigiu para o local não deixando de pensar no assunto que discutiam naquela sala.
Um homem robusto veio lhe atender na porta do local, o mesmo não parecia de confiança, segundo o que ouviu nos últimos jornais, aquela prática havia se tornado um crime na vila, porém o garoto era astuto, tinha suas maneiras de obter resultados, buscou por um velho selador que trabalhava por lá durante vários anos, foi encontrar o homem em uma sala separada dos setores da prisão, no fundo do edifício sendo ainda piro do que as próprias selas, as solitárias pareciam agitadas naquele ano, muitos grupos revolucionários foram presos em protesto a vinda da nova representante da vila, resultando na prisão imediata de tais elementos.
– Eu vim a respeito do código 606! – O homem estava deitado sobre um velho sofá, assim que ouviu a frase dita pelo garoto exibiu um largo sorriso acendendo um charuto logo em seguida guiando-o até os andares inferiores do ambiente.
– Achei que nunca iriam me substituir, he! – O homem largou as chaves nas mãos do garoto assim que as portas de metais foram abertas, revelando um largo corredor repleto de presidiários, a sala parecia tão escondida e ao mesmo tempo cogitou da possibilidade de não se saber sobre sua existência, além daquele homem. – Bem Vindo! Agora poderei me demitir. – O homem entregou um esfregão em suas mãos e saiu dali, deixando o garoto sozinho naquele frio ambiente enquanto os gemidos de quase 50 pessoas aclamavam por alimento e bebida, pareciam todos estar em um estado crítico de saúde, o local fedia muito devido as fezes espalhadas por todos os cantos, chegando até a fazer parte dos corpos de alguns moribundos atirados ao chão, o garoto colocou a máscara sobre a cintura, por mais que aquela visão tenha mexido um pouco com sua mente, havia jutsus para treinar, e assim o fez, lançando contra diversos homens ilusões horripilantes enquanto escondia sua localização, pegando-os desprevenidos sempre que pudesse. Assim que acabou, sobraram somente mais duas técnicas, estas seriam as necessárias para manter aqueles corpos ainda vivos, o garoto emitiu uma intensa onda sonora sobre os homens, apenas ilusórias forçando-os a acreditar que era real aquele som, logo depois forçando-os a dormir, com outra técnica.

1276 - Palavras.
Treino de Jutsus

 
Treinos - Muu 2sb7vnl
Shikumi no Jutsu
(Técnica da Visão da Morte)
Quem Usa: Orochimaru, Yuuhi Kurenai, Uchiha Itachi e Uzumaki Naruto
Rank: C
Nota: Uzumaki Naruto só pode executá-la quando esta com os os olhos da Kyuubi.
Descrição: Após sentir a intenção assassina do usuário, o alvo começa a ter
intensas visões da sua morte, o que lhe causa medo e o faz ficar
paralisado. Foi usada por Orochimaru na floresta da morte.
 
Treinos - Muu Htb8fb
Oto no Gen
(Ilusão do Som)
Quem Usa: Kin Tsuchi
Rank: B
Descrição: Kin usa essa técnica com os sinos que ela atira junto com suas Senbon. O toque do sino produz uma onda sonora especial, que viaja a partir da orelha interna, o que afeta o cérebro do adversário diretamente. Isso faz com que seu alvo tenha alucinações, vendo várias imagens dela, e tornando muito difícil dizer o que é real e o que são ilusões. Além disso, o alvo perde suas habilidades motoras com a exposição continuada ao toque. Esta técnica é normalmente utilizada depois que ela distrai o inimigo com as Agulhas da Sombra.
 
Treinos - Muu 68fqcp
Nehan Shouja no Jutsu
(Técnica Ilusória da Inconsciência)
Quem Usa: Kabuto Yakushi, Yuuhi Kurenai e Uchiha Itachi
Rank: B
Selos: Tigre
Descrição: Técnica de Genjutsu que faz várias pessoas entrarem num estado de inconsciência.
 
Treinos - Muu Nr11yh
Gengakure no Jutsu
(Técnica da Ilusão Oculta)
Quem usa: Kurenai Yuuhi e Clã Kurama
Rank: C
Nota: Clã Kurama utiliza esta técnica em um filler.
Descrição: Habilidade utilizada para desaparecer o usuário ilusóriamente.Como é
uma ilusão nehum tipo de rastreamente funcionaria (Jutsu da Karin,
Byakugan, insetos do Clã Aburame...) porque a ilusão distorciria
estes.Normalmente é usado em conjunto com outro genjutsu.
 
Treinos - Muu 11jut1l
Jinshin no Jutsu
(Enforcamento Pelo Tronco)
Quem Usa: Yuuhi Kurenai
Rank: B
Selos: Bode, cavalo, cachorro, boi, javali e tigre.
Descrição: Após realizar os selos de mãos, o Shinobi (Ninja) desaparece em um
vendaval. O mesmo se aproxima do inimigo e o prende em meio à uma
árvore, depois ele aparece em frente ao alvo transformando seus braços
em troncos, matando o inimigo por enforcamento ou o deixando imóvel e
fazer este ficar inconsciente.



Última edição por Muu em Seg 19 Out 2015, 19:46, editado 1 vez(es)

17Treinos - Muu Empty Re: Treinos - Muu em Seg 19 Out 2015, 19:45

Hinara

Hinara

Estudante
Aprovado, pode adicionar a sua ficha, por favor. Talvez prefira assim.

18Treinos - Muu Empty Re: Treinos - Muu em Qui 22 Out 2015, 10:12

Kingdra

Kingdra

Gennin

►Ladrão²◄

Treinamento de Status.
O garoto havia chegado de sua fuga bem sucedida em outra vila, o alívio era presente em seu rosto, encaminhou até sua área de treinos enquanto comemorava acariciando as espadas, porém estremeceu quando soube o que poderia acontecer caso o mizukage soubesse de tais perdas, poderia gerar uma futura guerra contra a vila? Acalmou-se quando soube que não poderia ser rastreado, o selo pelo qual havia se transportado deixava obvio que seria impossível de acha-lo os únicos rastos que havia deixado para trás foram na própria vila em que realizou o furto, porém por que toda aquela situação ainda o incomodava? O garoto se retirando do gabinete levando as armas em suas mãos dirigiu-se até sua casa para então armazená-las em segurança, até o momento não havia um local próprio para pôr as mesmas deveria arranjar um jeito de por elas longe dos alcances de mãos gananciosas, e arrogantes das quais pertenciam a uma raça no qual tinha nojo de participar, os humanos, como poderia ser todos egoístas a ponto de impedir que valiosas e preciosas ferramentas ficassem fora dos alcances de mãos tão bem cuidadosas como as do garoto, dirigiu um breve sorriso, imaginou ter sentido algo, uma impressão ruim, algo estava para acontecer, porém não deu importância, sabia que era somente ilusões e mais ilusões inventadas pela sua cabeça para justificar a falta de segurança. Chegou no recinto após alguns minutos caminhando, entrou no local buscando pelos meios mais seguros de guardar a arma, porém não achou que seria necessário pôr as duas, as habilidades de uma das espadas, não, duas das 3 espadas ainda era desconhecido, optou por guarda-las no recipiente abaixo do sua casa, em um local onde seria até mesmo impossível de achar sem conhecer a geografia da vila.
Partiu de sua casa levando a outra arma em suas costas, optou por encobri-la devido ao fato de estar constantemente chovendo e a mesma depender de um enorme rolo de selos explosivos para ser tão poderosa, encaminhou por entre os edifícios de Ame. Seguiu pela rua e a medida em que avançava, os cantos foram se tornando mais e mais estreitos até que a rua terminava em um edifício onde somente era composto por uma porta sem ao menos apresentar paredes laterais, a estrutura parecia ter sido feita de forma triangular, crescendo a medida em que avançava adentro do mesmo, o mesmo edifício no qual havia visitado anteriormente, direcionou seu punho para de encontro a maçaneta girando brevemente o objeto, entrou no local com muito esforço, e assim que o fez, puxou a sua nova arma para dentro junto com ele, atirando-a contra a enorme távola no meio da sala, espantando a todos que havia ali, não esperavam por aquele golpe repentino vindo do garoto. Ele se dirigiu para mais perto do local mantendo seu humor constante de felicidade, apesar de não expressar isso para todos ali dentro, uma vez que sua máscara pendia na frente do rosto.
– O que significa isso? – Perguntou um robusto homem de cabelos cacheados amolando seus dentes com uma adaga. – Isto, meus senhores, é a guerra! – Proferiu o garoto retirando o pano do objeto, revelando a enorme espada, quando esta brilhou no crepitar da vela ao seu lado todos ficaram espantados com tamanha audácia realizada pelo garoto, admirando o artefato por longos minutos até que se calaram e voltaram sua atenção para o garoto, o líder do grupo o parabenizou pelo seu feito, a guerra viria junto com o derramamento de sangue e muitos outros fatores, deveria proteger a vila contra essa ameaça, subir em sua vida, obter um título de respeito para que seu plano pudesse dar certo, não somente o seu mas como de todos ali. Todos apoiaram sua causa, finalizando a reunião meia hora depois. Durante esse tempo o grupo começou a discutir possíveis estratégias para efetuar o plano, tentaram diversos meios de infiltração porém o único ainda que obtiveram sucesso fora Muu, era um garoto de sorte por conseguir tanta confiança das pessoas, ingênuos, mal sabiam eles que poderiam estar enganados, ou não, o garoto era incerto de suas decisões, desde a morte de Bellatrix não se conhecia mais como um humano, apenas uma casca, uma marionete desgovernada aguardando apenas para ser controlada por alguém que seja capaz de dominar seu eu interior. Saiu do local sem proferir uma palavra para seus superiores, todos o parabenizavam com sorrisos em seus rostos porém soube logo que boa parte deles foram forçados, pelo fato de muitos terem tentado sua proeza antes que por sinal, não obtiveram sucesso em suas buscas. Partiu em direção ao campo de treinamento, desta vez não ligando muito para ser notado ou não com aquela arma nas costas, qualquer um que tivesse a audácia de tentar empunhá-la teria uma morte tão dolorosa quanto a que o garoto sonhou ter um dia.
Chegou no local sacando a longa arma, o punho era enorme de tamanho suficiente para por três mãos nele ao mesmo tempo, o enorme rolo do equipamento parecia imóvel, até que este balançou a arma retirando um pequeno lacre que pendia na ponta do rolo, aquela arma sequer uma vez já foi usada, o garoto sorriu, imaginou ser a figura de maior importância na história daquela arma, por ser o primeiro portador, e se dependesse dele, seria o último. Sorriu mostrado seus enorme dentes, enquanto a chuva escorria pelo seu rosto e corpo, novamente aquele clima o atingia de surpresa.
O garoto então manejou a arma pelo ar, liberando apenas um pequeno metro dos milhares que haviam naquele pergaminho, os selos aos pouco se revelando serem mais e mais frequentes na extensão da arma, até um ponto onde ficavam sobrepostos sobre diversos, a presença de uma lâmina ao lado do artefato tornava as coisas ainda mais interessantes, buscou por um enorme pergaminho dentro de suas vestimentas, achando o mesmo atirando-o para o solo, aguardou alguns minutos, continuou treinando ali até que pudesse ter certeza que sabia de todas as habilidades da espada, não, ainda não estava pronto para fazer aquilo, recolheu o pergaminho e novamente colocou sobre suas vestes.
O controle da espada era algo difícil de se obter porém com prática logo logo iria conseguir, tornou a treinar mais e mais a medida em que o tempo passava, desferindo cortes para o alto ao vento de uma maneira que liberasse metros daquele rolo atacando de duas maneiras diferentes vindas de direções opostas, enquanto a lâmina partia de uma lado, o pergaminho vinha do outro, encobrindo boa parte da lateral a sua frente, gerando uma forte explosão, algo que lhe intrigava era a última habilidade apresentada pela espada, por mais que usasse os selos, eles sempre retornavam para lá, parecendo haver mais que os da vez anterior.





1127 - Palavras.



19Treinos - Muu Empty Re: Treinos - Muu em Qui 22 Out 2015, 11:26

Hinara

Hinara

Estudante
#Aprovado - 265 Pts

Avaliação:

Pontos Positivos:
- Boa ambientação e detalhamento.
- Boa ortografia.
- Bom Tempo Verbal.
- Narração Coerente.
- Bom desenvolvimento.
- Enredo bem construído.
- Ótima noção sobre escrita e Narração.
- Boa formatação.
- Boa história e a trama me intriga.
- E porque gosto de tu.

Pontos Negativos:
- Alguns erros de concordância.
- Algumas palavras repisadas em sequência.
- Divisão dos parágrafos.


Considerações:

Avaliei criticamente o treino de forma impessoal para que seja um sistema justo.
Lembrando, caso haja alguma duvida sobre os quesitos mencionados basta perguntar, estarei apto a esclarecedor quaisquer pontos avaliados acima. E caso me encontre equivocado, a nota será atualizada de acordo.

OBS: Esse será o padrão de Avaliação de Status sempre.

20Treinos - Muu Empty Re: Treinos - Muu em Qui 22 Out 2015, 15:11

Kingdra

Kingdra

Gennin

►Construindo o portifólio.◄

Treinamento de Selamento.
Andou pela calçada da vila desejando estar morto, pensamentos como aquele invadiam sua mente todos os instantes, morrer para o garoto se tornava cada vez mais uma ideia a ser pensada com cautela, não era mais aquele tipo de coisa que era lhe respondida quase que de imediato, muitas vezes lhe perguntavam se tinha em mente o plano de morrer em um futuro breve, antes respondendo quase que imediatamente após a pergunta, um forçado e enorme Não, porém com o passar dos tempos tem raciocinado muito antes de encontrar a resposta, o que muitas vezes geravam um espanto vindo do emissor. Apenas o que recebia em troca a sua reação de espanto era u falso sorriso do garoto, logo em seguida o assunto acabava por ali indo ambos para suas respectivas tarefas.
Encaminhava por entre as faixadas agora mantendo seu principal foco somente em sua alma, preso em seus pensamentos incapaz de sair daquele monte palavras atingindo sua cabeça, o capuz encobrindo sua cabeça agora jazia todo encharcado devido ao clima que, desde seus cinco anos de idade, odiara. Nunca houve um só dia naquela vila que parou de chover por mais de três horas, o sol até emergia entre as negras nuvens da vila, porém se despedia rápido do local, passando pelo mesmo como se este fosse um leve brisa a seguir seu caminho carregando as folhas, muita água para pouca terra, edifícios em Ame pareciam se desgastar mais e mais com o passar dos anos, os milhares de pingos que caiam sobre sua superfície deixavam sua marca para que outros também o fizesse. O encapuzado garoto seguiu para a biblioteca junto aos seus novos armamentos, não poderia carregar todas aquelas coisas para uma batalha, teria de escolher em buscar somente uma, deixando a outra em segurança em algum lugar para que pudesse posteriormente invoca-la também trocando por uma que já estivesse em seu domínio. O rapaz encaminhou para dentro do edifício optando por seguir até os fundos do mesmo, a dona já conhecia o rapaz, era de confiança, sempre buscando jutsus que nem todos poderiam ter acesso, somente a mais alta elite da vila seria capaz de acompanhar o ritmo da drástica mudança de níveis dos jutsus, e com o garoto não seria diferente, partiu até uma porta posicionada ao lado do banheiro, fechando todo o calmo ambiente atrás de si, dando de cara com uma imensa multidão dentro do recinto, indo para lá e para cá, todos com uniformes do local. Os olhares se direcionaram para o garoto quando adentrou, os funcionários pareciam bem atentos, todos colocando as mãos em suas vestimentas quase que por instinto, porém quando notaram a presença de sua máscara sobre a cintura, aliviaram-se voltando aos seus afazeres.
– Fuuin... Onde eu os encontro? – Perguntou muu para uma das mulheres mais próximas que empacotava uma pilha de caixas, esta virou-se para o mesmo apontando seu dedo para o fundo do ambiente, outra porta estava presente ali, porém quando este a abriu apenas se deparou cum uma caixa lacrada, dentro desta, quando abriu a mesma, pode ver um grande número de pergaminhos ajeitados e empoeirados, parecia que ninguém abria aquilo fazia um tempo, buscou pela técnica certa e quando terminou, saiu do local agradecendo a todos por não terem lhe matado, sendo correspondido por um culto de risadas. O rapaz passou pelo balcão agradecendo por tudo, abriu a porta para fora do local com pressa, caminhava empunhando suas 3 espadas com grande pressa, a água atingia seu rosto causando-lhe dores como se fosse atingido por diversas agulhas, obrigou-se a fechar seus olhos para se proteger, o vento ficava cada vez mais e mais forte, até um ponto onde este não conseguiu segurar todas as coisas ao mesmo tempo, saltou para dentro de um estabelecimento local, este revelando ser inabitado, o lugar era muito escuro porém havia uma fonte de luz promissora no canto inferior direito da sala, uma pequena vela de tamanho menor que 3 centímetros, pôde ver que a chama produzida estava prestes a acabar, aproveitou aquele meio tempo que poderia ter com a vela, para que pudesse treinar o jutsu.
O rapaz leu todas as escrituras presentes naquele pedaço de papel, guardando o mesmo assim que terminou, atirou as arma para o lado de seu corpo, não deixando de marcar todas com seu selo de espaço tempo em seus cabos, realizando alguns selos manuais para que pudessem por fim serem seladas por completo, correu para um outro lado da sala, onde pudesse testar se aquilo realmente poderia dar certo, o que para sua surpresa deu, no momento em que partiu para o outro lado, realizou alguns selos manuais, seguidos de uma mordida em seu polegar batendo o mesmo contra o chão, a fumaça fora liberada revelando a espada aos seus pés.






800 - Palavras.

Treinos - Muu Tumblr_m4wqkzR5Mn1rqxa7po1_500
Hiraishin Fuuin Kuchiyose
(Selamento Espaço-Temporal das invocações)
Quem Usa: Namikaze Minato, Jiraya, Hatake Kakashi, Tenten
Rank: A
Descrição:O usuário deixa um selo de Espaço-Tempo em um animal, ou em um objeto, podendo assim invocar o animal ou objeto em qualquer lugar que esteja,
usando o Kuchiose no Jutsu. Este selo também pode ser transpassado para
pergaminhos, assim como no caso de Hatake Kakashi que invocou os cães
via terra por um pergaminho, ou Tenten que usa pergaminhos para invocar
armas de todos os tipos.

21Treinos - Muu Empty Re: Treinos - Muu em Qui 22 Out 2015, 15:21

Youko

Youko

Gennin
@Treinamento Aceito!

22Treinos - Muu Empty Re: Treinos - Muu em Sab 24 Out 2015, 13:32

Kingdra

Kingdra

Gennin

►O canto do Pássaro.◄

Treinamento de Status - Jutsu - Jutsu - Status.
  O rapaz caminhava ofegante, a chuva colidindo contra seu rosto causando-lhe leves dores devido a intensa velocidade com o qual avançavam, tocou rapidamente seu peito para que pudesse verificar seu coração, ainda batia, porém estava frio, isso era o que mais lhe causavam medo, o calor de seu corpo havia sumido, seu nariz se encontrava com as vias todas entupidas o que o obrigavam a respirar pela boca, tornando sua saúde mais estável, os olhos e bochechas corados, forçava os olhos para que pudesse ver melhor o ambiente a sua frente, deu mais alguns passar e então caiu sobre seus joelhos, mergulhando profundamente no enorme oceano, seu corpo não tinha mais forças para se manter em pé, pouco ainda restava de seu chakra e o mesmo fora usado para se locomover no caminho entre as bordas que cercavam o terreno, decidiu tentar mais uma vez, nadou freneticamente para cima abandonando qualquer pensamento negativo que tinha, braçadas atrás de braçadas o levaram até o topo, logo usou o único vestígio de chara que tinha para se manter em pés, deus mais alguns passos perdendo cada vez mais sangue por um longo corpo feito em seu peito que se estendia até a cintura em um linha diagonal, o mesmo caminhou por mais alguns segundos, foi quando este tropeçou em um pedaço de terra mais elevado caindo consequentemente em uma pilha de entulho, foi lá onde caiu com a cabeça virada para cima, observou atentamente os céus enquanto uma nuvem negra encobria o mesmo, apenas teve tempo de ouvir passos perto de onde estava, o sangue escorria pelo seu peito se misturando com a água de chuva, o ferimento estava colado junto a sua camiseta tornando ainda mais difícil de se sarar, fechou os olhos imaginando esta ser o seu fim, sorriu.
3 Dias Atrás – Reunião em Amegakure no Sato.
– Senhores... Receio que nossa assembleia finalmente chegou ao fim, nosso plano final será realizado amanhã, hoje devemos nos preparar para tudo, Muu, você será responsável por mapear o local, o forte é bem cuidado portanto fique bem atento. Estão todos dispensados. - Falou o líder mantendo um tom grave, olhando diretamente para Muu, o ponto chave de todo aquele plano, alguns outros assuntos foram discutidos juntamente com um rodízio de bebibas de comidas que haviam por lá, todos estavam alegres pelo plano estar bem, o garoto porém não se sentia muito confortável, era ele quem seria o gatilho para tudo aquilo, ainda deveria decidir se iria ou não realizar tal proeza. Sua mente estava repleta de desvios e muitos deles apontavam para o caminho contrário, não deveria fazer aquilo. Muu levantou-se encaminhando para a porta, o membros não se importaram de sua prévia saída, muito pelo contrário, acharam que este seria o momento perfeito para iniciar o ataque ao forte, não deram importância, apenas continuaram bebendo em suas canecas olhando fixamente para o mapa imposto sobre a távola, estudando o sistema de ventilação e encanamento dos edifícios.
A porta fechou-se atrás do garoto e com a cabeça baixa prosseguiu, buscou pelo guarda chuva que tinha em sua bolsa e o colocou acima de sua cabeça, saindo a pequena e estreita rua deu de cara com o centro da vila, o comércio parecia bem intercalado, muitas vezes aquele local nem ao menos abria porém parece que o homem encontrou seu dia de sorte, olhou para o enorme arco que dividia a vila dos demais países, suspirou fundo e se dirigiu para fora do local, se sentiu mal por tudo aquilo, não era de se culpar, afinal o garoto era facilmente manipulável.
3 Dias Atrás – Forte ao Norte de Konoha.
Um grupo de ninjas se movimentava rapidamente pela densa floresta que rodeava o país do fogo, esta quase tão verde que os olhos do garoto brilhavam, mal sentia falta de voltar para sua vila, juntamente com outros ninjas ali presente, todos usando suas máscaras para encobrir os seus rostos, porém unicamente um deles se destacavam, era Muu, apesar de todos portarem os objetos simbólicos da organização o Anbu, o único que realmente defendia esse título era o próprio, com muita honra e orgulho. O rapaz saltou para uma árvore próxima fazendo com que todos ali com ele fizessem o mesmo movimento, um grupo de vigilância de Konoha passava por ali naquele exato momento, Muu retirou então de sua bag uma dúzia de kunais marcadas com o selo, atirando-as contra o solo no momento em que passavam, três delas acertaram seus alvos matando os homens de extrema rapidez, enquanto o resto seguiu seu caminho pelo solo se espalhando por diferentes partes do mesmo, todas as atenções foram voltadas para o local onde as kunais foram atiradas, enquanto dos céus, mais especificamente de cima das árvores sugiram os membros do grupo mascarado, todos fincando suas kunais nas cabeças dos vigilantes matando-os sem deixar testemunhas, Muu recolheu suas armas deixadas pelo chão enquanto o resto do grupo escondia os corpos dos homens entre as folhagens aparando seus rastos com jutsus, continuaram a seguir pela floresta enquanto o sol cumpria seu trajeto, aquele local parecia tão bom de se viver, a chuva ali era quase impossível de se acontecer, ao menos foi o que achou, o grupo avançou mais um pouco até que encontraram outro grupo de vigilância, estes eliminados com sucesso de modo tão rápido que mal puderam se dar conta da presença de inimigos no território, alguns dos mascarados seguiam pelo solo enquanto o resto partia pelas folhagens, no momento de encontro com os vigilantes, as atenções se voltaram para os que estavam no solo enquanto de modo rápido e eficaz, todos acima das árvores eliminaram os inimigos realizando o mesmo método de ocultação das vezes anteriores, o grupo continuava a avançar e eliminar os inimigos que viam pela frente, o forte parecia ser bem guardado devido à grande quantidade de ninjas ali, com o decair da tarde pode ver um enorme prédio no meio de uma clareira protegida por um grande número de guardas, havia chegado ao local com êxito, agora faltava executar a segunda parte do plano.
3 Dias Atrás – Infiltração.
O plano era bem bolado, todos os ninjas avançavam pela enorme clareira disfarçados, alguns destes se perdiam em meio ao ambiente enquanto outros se transformavam em pequenos seres que se ocultavam na vegetação, as sentinelas estavam bem alertas e este seriam os principais alvos do grupo, avançado por entre os diversos guardas que ali haviam até que chegassem as paredes dos muros, todos ali subiam com rapidez os muros, o local era enorme dando a ideia de haver uma máxima proteção por ali, principalmente na ala de nukkenins, este seria seu alvo. Jeredh, um ninja precavido, jounnin de Ame de grandes habilidades, este fora o responsável por eliminar os sentinelas, estes eram quatro, dois em cada uma das torres, uma ao norte e outra ao sul, o rapaz fez alguns clones enquanto todos os outros membros se posicionavam atrás dos guardas na clareira, os movimentos foram rápidos, em um piscar de olhos o clone e o verdadeiro Jeredh cortaram os pescoços dos sentinelas como se não fossem nada, posicionando seus corpo calmamente sobre o solo, a partir dali teriam 1 hora até que notassem a falta dos ninjas acima das ameias, assim que todos se encontraram deitados sobre o solo, o grupo na clareira tornou a aparecer, alguns voltando a sua forma normal e outros se revelando sumindo de sua ocultação, todos os guardas eliminados com um simples movimento, enquanto seus corpos eram depositados com cuidado sobre o chão. Os ninjas conseguiam se infiltrar com cuidado sobre o forte, eliminando os guardas sobre as portas descendo os níveis mais e mais.
2 Dias Atrás – Emboscada.
– Porra corre! – Indagou Muu em fúria, os corpos espalhados pelo chão banhavam o ambiente em vermelho, todas aqueles corpos jogados no chão, os moribundos estavam jogados com diversos cortes em seus peitos, alguns ainda tentavam se rastejar pelo chão porém seus gritos ficavam para trás enquanto a figura cortava suas línguas e após isto suas cabeças, o homem sorria frequentemente e este começou a correr atrás dos dois ninjas, o terror estava gravado em seus dois rostos, ambos não conseguiam entender como aquilo aconteceu, estava tudo planejado, o plano teria sido um sucesso, pensou na possibilidade de uma possível traição, porém não imaginou que aqueles homens fossem possíveis de fazer aquilo, não com ele, os dois correram até a porta do local, uma pesada placa de metal de 50 quilos, ambos os ninjas empurraram a porta com todas suas forças a fechando atrás de si, deixando o terror para trás, a sala no qual todos estavam mortos, o que mais deixava o garoto tenso, eram suas expressões, melhor dizendo, todos estavam gravados com a mesma, as máscaras encobrindo seus rostos olhando para o garoto, todos os olhos negros de plástico apontavam para ele e Jeredh que por sorte conseguiu escapar. Ambos subiram as escadas, Muu e Jeredh, sem olhar para trás, os corredores manchados de sangue com corpos para todos os lados, o terror afrontava os olhos do garoto e tudo o que pensava era no qual havia feito, por que tudo aquilo estava acontecendo com ele? Os olhos deixaram cair ao vento pequenas lágrimas, estas se perdendo em meio aos gritos da fera que agora havia aberto a enorme placa de metal, por sorte ambos os ninjas chegavam ao fim do corredor, onde encontravam a mesma plana entreaberta, e a fecharam atrás de si novamente subindo mais escadas e se deparando com a mesma cena de antes, a medida em que o tempo passava iriam se deparando com a mesma cena, os corpos mal pareciam mudar de lugar e sempre que chegavam ao fim do corredor amarelo agravado com machas de sangue pelas paredes e o chão, podiam ouvir o som da porta que antes fecharam ser escancarada e a medonha risada enchendo o espaço, os rapazes cogitaram na possibilidade de uma ilusão estar causando tudo aquilo, porém esta fora descartada quando no fim do corredor viram a luz do sol entrar pelas aberturas de uma porta de madeira.
2 Dias Atrás – Fuga.
Correndo pela mata como se não houvesse rumo, apenas saltando loucamente para fugir do homem descomunal que os seguia, ambos os ninjas mal conseguiam correr ainda, as pernas de ambos marcados por feridas e hematomas derramando sangue por onde passavam, porém estes ainda continuavam a correr, se mantendo com as cabeças eretas com um olhar fixo além daquele pais, assim que chegassem a Suna tudo iria mudar, as coisas ficariam mais fáceis para despistar o homem, ou a besta que vos seguia, seja la o que era aquilo, não poderia ser alguém que buscasse encrenca com outras vilas, o homem urrava e ria como se não houvesse fim, sua assombrosa gargalhada enchia os ouvidos de Muu o fazendo desejar correr mais e mais, Jeredh estava prestes a cair, já não suportava mais saltar direito, Muu quis ajuda-lo, porém mal podia suportar carregar as vestes que tinha sobre o seu corpo, ignorando o amigo sendo está a forma mais fácil para ele mesmo, o próprio homem já sabia de seu destino, este parou e virou-se para Muu. – VÁ, eu seguro ele para você! – Acreditou que se parasse ali e dissesse que não partiria sem o mesmo fosse clichê, apenas aceitou, já imaginando o destino do amigo, não teve nem tempo de pensar em voltar para ajuda-lo, quando o ar foi preenchido pelo grito do mesmo, uma enorme explosão encobriu o local, o vento causado pela mesma atingiu seu corpo o desequilibrando, já não havia mais forças para pensar, seu corpo apenas seguiu o caminho até o chão, onde caiu respirando profundamente, nenhum de seus membros mexiam mais, a criatura avançou rápido e logo chegou perto do mesmo, e assim que o fez empunhou sua enorme espada, desferindo um corte em seu peito que o fez desmaiar. O sangue escorreu pelo seu peito, a criatura pegou-o e o levou em seus braços.
Anotações – Diário de Jeredh
“Ahm Oi, deixe eu me apresentar, sou Jeredh, jounnin de ame, faço alguns estágios trabalhando como ferreiro porém minha paixão é pelas lutas, caso alguém esteja se perguntando o motivo disso eu irei dizer, caso você esteja lendo isso, tenha em mente que todos já estão mortos, sim, essa missão foi tudo uma armadilha de nossos superiores tentando eliminar a parte da vila que está se tornando mais forte, como isso funciona? Um tratado de paz entre as vilas inimigas, todos os anos diversos relatos de ninjas de Ame somem e ninguém dá a mínima explicação, o que acontece é relativamente fácil de se explicar, a cada ano um grupo de ninjas de Ame segue para a vila em uma emboscada, eles na maioria das vezes capturam os ninjas e os levam para laboratório, lá é onde a mágica acontece, todas a habilidades são exploradas e tudo o que ocorre por lá é extremamente secreto, após ler isso tudo vocês devem estar se perguntando como eu sei disso tudo não é mesmo? Bom vou lhes contar, recentemente vim realizando favores de uma organização, esta que me chamou bastante atenção, porém nos últimos dias tenho me estranhado com um certo ninja, e tive a possibilidade de me livrar dele, caso o acompanhasse no campo de batalha e garantisse que o mesmo morresse no forte, porém receio que também tenham em mente me eliminar também, por isso deixo esta mensagem nas mãos de meu pássaro, ele irá enviar isto para Ame quando minha morte for confirmada.
Jeredh Taka”
Pôde se ouvir o canto distante da criatura, podia se sentir o lamento em sua canção, cortava os céus com tamanha perícia que foram necessários apenas alguns minutos para chegar à vila, então este voou até a janela do enorme prédio cujo qual se destacava dos outros pelo enorme rosto com uma língua saindo de seu interior.
Atualmente
Passou-se 1 semana desde que adormecera, até que este permaneceu estirado no solo, a chuva não parava de cair nem por um instante, as pessoas da vila já passavam a ficar preocupadas, algo não estava ocorrendo dentro dos conformes naquele local, foi somente no sétimo dia que a chuva havia parado, o mesmo dia em que o garoto desacordado deu seu primeiro suspiro, este levantou-se da cama enlameado, ofegante, os olhos esbugalhados e respirava com dificuldade, estava perplexo, este tremia e agora respirava com dificuldade, o garoto viu algo que nunca pensou ver antes, ele visitou o outro lado, era algo horrível mais aquele dia somente estava começando, olhou para os lados e se viu em um ambiente em que nunca imaginou estar, o Hospital da vila e ao pé de sua cama jazia a figura dos representantes da távola, todos mortos enquanto um bilhete pendia sobre suas carcaças, este dizia, Feliz Aniversário. Deitou-se novamente sobre as almofadas. Passou-se muito tempo desde que havia deitado, ainda os pensamentos continuavam e estes por sua vez mais frequentes que os anteriores, mais e mais não podia deixar de lado sua devoção pelos treinos, após um longo período olhando para o teto e para os corpos moribundos espalhados pelo chão, pode dormir, os pensamentos rodeando por sua cabeça haviam o cansado mais do que imaginou, em meio da delírios e tonturas mergulhou no profundo sono, este tamanho que somente foi capaz de se livrar do mesmo no dia seguinte.
O garoto saiu do Hospital se dirigindo para sua casa, o longo corte que havia sido aberto em seu peito agora estava costurado, respirava com dificuldade mais ainda podia andar normalmente, o semblante da criatura ainda estava gravado em seus pensamentos, o medo tomou conta de seu corpo, estremeceu-se, chegando em sua casa pode avistar outro bilhete. “Mais um...” pensou, imaginando ser lgum ruim, para variar, este dizia para que fosse até o gabinete, sentou-se um pouco sobre sua cama, pensando no que pode ter acontecido no tempo em que estava inconsciente, após um longo período pensando na possível resposta, levantou-se e partiu até o gabinete, a vila parecia deserta, nada estava funcionando, entrou no recinto no qual fora solicitado minutos depois, sendo recebido pela figura séria do Amekage, que o fitava com desprezo.
Depois de uma longa tarde ouvindo esporros vindos de seus superiores, o rapaz fora obrigado a se retirar do local, em seu rosto a expressão marcante era de tristeza, se sentia desolado e pouco a pouco suas forças iam se perdendo, seu corpo parecia desestruturado e mal se alimentou nos últimos dias, pela primeira vez, Ame não chovia, não apresentava sinal algum de nuvens no céu, algo estava extremamente errado por ali, imaginou ter acontecido alguma coisa, porém não deu muita importância, estava triste demais para pensar, tudo o que queria neste momento era descontar tudo em um treinamento, partiu até a biblioteca, a mesma se encontrava fechada porém este conseguiu entrar por uma porta nos fundos no qual tinha domínio das chaves, entrando então no cômodo afastado do resto da biblioteca, buscando pelas técnicas mais poderosas que pudesse achar por ali, decidido a mudar seu estilo porém ainda mantendo o que havia antes, alternando entre os dois sempre que quisesse, logo pegou um jutsu do elemento água que viu próximo as bancadas, retirou de uma caixa um papel, este seria capaz de lhe indicar sua nova natureza elemental, que para sua surpresa era o elemento Raio, irônico de sua parte por ser de uma vila que sempre está chovendo ter poder sobre água e raio, ambos caminhavam juntos em sua jornada, se retirou do local com uma técnica bem básica porém de grande ajuda quando usada com água, fechou a porta de si deixando a chave abaixo do tapete, imaginou não ser mais capaz de visitar aquele cômodo tão cedo. Partiu até a floresta próxima do local, ignorando todos os olhares que as pessoas davam para ele nas ruas, afinal, o que quer que estivesse acontecido, estava vivo, e isso seria uma grande evolução de seu corpo, visto que foi capaz de escapar da morte.

O garoto se dirigiu até o campo onde sempre treinava, daquela vez parecia mais bonito, o vestígios de chuva ainda rodeavam o local, porém as flores foram capazes de nascer naquele meio tempo, deixando a visão uma linda paisagem, algo digno de se ver, Muu atirou os pergaminhos para o lado pensando em tudo o que houve, seu corpo havia adotado certa habilidade, não pode deixar de acreditar que depois de tudo não havia aprendido nada, aquilo de certa forma serviu como um treinamento para ficar mais forte, mesmo não se lembrando de boa parte do que aconteceu. O garoto puxou os pergaminhos e os leu, era simples tudo aquilo, concentrou seu chakra e então liberou uma intensa quantidade de água, e assim como fez com a água, liberou a descarga elétrica para frente, visando fazer com que a mesma tomasse conta de toda a água que saia de sua boca, a água continuava saindo até que formou-se um grande oceano no local, que logo e perdeu em meio ao oceano que rodeava a vila, abaixou sua cabeça um pouco triste ainda, olhou para os céus imaginando em tudo o que aconteceu, foi quando viu a figura de um pássaro amarelo cruzar os céus, levando em suas patas um estranho pergaminho, achou estranho, aquele pássaro parecia o de Jeredh.

3224- Palavras.

Treinos - Muu Tumblr_lvatvhdfJq1r12d1bo2_r1_500
Kangekiha
(Destruição Elétrica)
Quem Usa: Darui
Rank: A
Primeira Aparição: Capítulo 464 Mangá
Descrição:Darui usa-o combinado com Suiton Suijinheki. Esse jutsu pode
eletrificar o corpo do oponente ao máximo assim Darui utiliza jutsus Suiton para fortalecer o Jutsu.

Treinos - Muu Baku_Suishouha
Suiton - Baku Suishouha
(Elemento Água - Ondas de Colisão da Água Explosiva)
Quem Usa: Senju Tobirama, Hoshigaki Kisame, Mukade, Momochi Zabuza
Primeira Aparição: Capítulo 256
Rank: A
Descrição: O Suiton - Baku Suishouha é uma técnica onde o usuário cospe um grande volume de água da sua boca, engolindo e esmagando o inimigo com uma enorme onda. O usuário pode montar na onda, permitindo-lhe mover-se em alta velocidade, e atacar o inimigo, agora empurrado pela água, sem medo de contra-ataques. A quantidade de água criada é proporcional à quantidade de chakra utilizado; quando usado com o chakra enorme de Kisame, mesmo um grande deserto pode se tornar um pequeno oceano. Em seguida, o excesso de água pode ser usado para as técnicas de Suiton adicionais. No anime, Nagato realiza esta técnica com o Caminho Deva, porém ele o usa perfurando o chão para a água jorrar, em vez de cuspi-la de sua boca.



Última edição por Muu em Dom 25 Out 2015, 08:38, editado 1 vez(es)

23Treinos - Muu Empty Re: Treinos - Muu em Sab 24 Out 2015, 15:42

Hinara

Hinara

Estudante



Jutsus aprovados!


#Aprovado - 300 Pts

Avaliação:

Pontos Positivos:
- Boa ambientação e detalhamento.
- Boa ortografia.
- Bom Tempo Verbal.
- Narração Coerente.
- Bom desenvolvimento.
- Boa história. (se original)
- Enredo bem construído.
- Boa divisão de parágrafos.
- Ótima noção sobre escrita e Narração.
- Boa formatação.
- Me chamou de amor.

Pontos Negativos:
- Alguns erros de concordância.
- Algumas palavras repisadas em sequência.


Considerações:

Avaliei criticamente o treino de forma impessoal para que seja um sistema justo.
Lembrando, caso haja alguma duvida sobre os quesitos mencionados basta perguntar, estarei apto a esclarecedor quaisquer pontos avaliados acima. E caso me encontre equivocado, a nota será atualizada de acordo.

OBS: Esse será o padrão de Avaliação de Status sempre.


Conteúdo patrocinado

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo  Mensagem [Página 1 de 1]

Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum